Meu Perfil
Estados Unidos, Illinois, Chicago, Hyde Park, Mulher, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Cinema e vídeo
MSN -



Histórico
 11/09/2011 a 17/09/2011
 04/01/2009 a 10/01/2009
 20/05/2007 a 26/05/2007
 11/03/2007 a 17/03/2007
 04/03/2007 a 10/03/2007
 18/02/2007 a 24/02/2007
 11/02/2007 a 17/02/2007
 04/02/2007 a 10/02/2007
 07/01/2007 a 13/01/2007
 17/12/2006 a 23/12/2006
 19/11/2006 a 25/11/2006
 12/11/2006 a 18/11/2006
 29/10/2006 a 04/11/2006
 22/10/2006 a 28/10/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 10/09/2006 a 16/09/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 23/07/2006 a 29/07/2006
 09/07/2006 a 15/07/2006
 02/07/2006 a 08/07/2006
 04/06/2006 a 10/06/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 30/04/2006 a 06/05/2006
 16/04/2006 a 22/04/2006
 02/04/2006 a 08/04/2006
 19/03/2006 a 25/03/2006
 12/03/2006 a 18/03/2006
 05/03/2006 a 11/03/2006
 26/02/2006 a 04/03/2006
 08/01/2006 a 14/01/2006
 18/12/2005 a 24/12/2005
 20/11/2005 a 26/11/2005
 30/10/2005 a 05/11/2005
 23/10/2005 a 29/10/2005
 16/10/2005 a 22/10/2005
 09/10/2005 a 15/10/2005
 18/09/2005 a 24/09/2005
 11/09/2005 a 17/09/2005
 04/09/2005 a 10/09/2005
 21/08/2005 a 27/08/2005
 17/07/2005 a 23/07/2005
 03/07/2005 a 09/07/2005
 26/06/2005 a 02/07/2005
 19/06/2005 a 25/06/2005
 12/06/2005 a 18/06/2005
 22/05/2005 a 28/05/2005
 08/05/2005 a 14/05/2005
 24/04/2005 a 30/04/2005
 17/04/2005 a 23/04/2005
 20/03/2005 a 26/03/2005
 13/03/2005 a 19/03/2005
 06/03/2005 a 12/03/2005
 27/02/2005 a 05/03/2005
 20/02/2005 a 26/02/2005
 05/12/2004 a 11/12/2004
 21/11/2004 a 27/11/2004
 14/11/2004 a 20/11/2004


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 Minhas fotos em Chicago...
 Uma carioca em Paris
 avant_dernier - Andrea
 Cora Ronai
 Geraldo Thomas
 Flavia Lippi
 pathaddad
 diario de angola
 Contos do Ribondi
 Pindorama
 Agenda samba e choro
 UOL - O melhor conteúdo
 altavista



O que é isto?
Soraia direto de Chicago
 

Uma semana de comemoracoes...

Ouvindo a radio mpb fm www.mbpfm.com.br

Pois e, estou ha uma semana comemorando meu aniversario. Isso mesmo, meu aniversario, (viu Teresa) comecou dia 18 de agosto em um restaurante maravilhoso no centro da cidade, Grand Lux Cafe,

"Eramos 6" amigos, comida otima, ambiente maravilhoso, presentes lindos, 1 camera digital do fofo do Oleq, perfume frances da Marcia, livro Beloved da Toni Morrisson da Regina, cartoes de aniversario, dinheirinho para gastar...Um sonho...

Alias nao e todo o dia nem todo o ano que se faz 40 anos. Por isso, estou a semana toda comemorando. Ha ...ha...

Sexta-feira saimos para dancar, eu, Marcia e Hedibert, comemoramos nosso niver juntos. O local, um club badaladissimo dentro de um hotel no centro da cidade, chamado Hard Drive, www.harddrivechicago.com.

Para os que queriam me ver, segue uma fotinha (certo Teresa?).

A noite foi com muita danca, todos os meus convidados comparecendo,desentendimentos e descobertas de que aquele que se dizia amigo nem era tanto amigo assim. Que conseguiu "jogar conversa fora como nunca antes" e eu pensava que nossas conversas, enfim nossa amizade eram mais profundas. Vivendo e aprendendo.

Enfim, beijei muito na boca, pois a neguinha aqui e muito especial, nao e mesmo, um clima foi gerado de uma forma inesperada e foi muito boa. Troquei fones com convite para sair no sabado para compras. Tenho que voltar mais nesse club...

Domingo descanso e ontem quarta, apaguei mais velinhas com amigos em casa. Maria que me deu o bolo de presente, Michele (filinha dela que e muito linda), Marcia, Oleq, Gloria, Regina e Daniel. Brindamos e ficamos ate uma hora da manha jogando conversa fora.

Teve  um momento super legal ontem quando a Marcia sugeriu que cada um que estava na sala contasse uma estoria que tinha passado comigo e eu tinha que fazer o mesmo em relacao as pessoas.

Foram estorias boas de se relembrar e ver que passei, marquei algo de bom nas pessoas. O que mais me fez rir e me trouxe uma gostosa lembranca foi de quando conheci o Oleq.

Ele lembrou da cena a la Woody Allen que passamos no onibus.

Eu o tinha visto antes no campus com seu particular cabelo comprido e olhos de um azul de vidro. Demos uma flertada e passando uma semana, saindo do estagio no Art Institute, passei na biblioteca e peguei livros mil e dvds dos mais inspirados...Fassbinder, um outro Holandes que nao lembro o nome agora e o livro que para ele chamou mais atencao, chamado "Getting the love you want", que ate hoje ele fala que e "How to get the perfect man" ....

Cena tipica de "Hanna e suas irmas", entrei no onibus atolada, tinha um lugar vago ao  seu lado aproveitei e sentei. Como nao tinha pago o motorista pedi a ele, propositalmente, para segurar os livros e dvds, joguei tudo no seu colo, inclusive o tal livro. Comecamos a conversar sobre a universidade, Brasil, os dvds e ele para me ajudar a carregar tudo soltou uns 3 pontos depois e trocamos telefone e na semana seguinte 

  estavamos vendo os filmes juntos....

 

Ouvindo:

" Deixa esse filme rodar, deixa essa estrela brilhar, nao quero nem saber, eu sei que sempre vale a pena, outra cena de cinema acontecer"

Lucia Mello - Sexo, amor e traicao....



 Escrito por Soraia de Oliveira às 16h14 [] [envie esta mensagem]



Qual e a cor do teu amor?

Ando pensando em algumas coisas ultimamente....

Para voces que me leem de vez enquanto me digam; qual e a cor do teu amor?

Eu sei que temos uma paleta de cores do arco-iris que dependendo do humor do dia ele pode ser vermelho de paixao, rosa de ingenuidade, roxo de raiva, essas coisas....

Nao e bem desse tipo de coloracao que falo....Pois nessa questao de cores vem as preferencias tambem...Complicado?Explico....

Eu tinha uma mania trazida ou apreendida na adolescencia, que creio ser algo muito particular, mas que as vezes penso e hoje gostaria de saber, se outras pessoas pensam assim tambem....

Se eu comecava a namorar um lindo (ou nao) rapaz loiro de olhos azuis, eu dizia "sou apaixonada por loiros, sao tao gentis, tao carinhosos" e se vinha em alguma versao estrangeira, suecos, italianos, ja que conhecia muitos rapazes amigos dos amigos que vinham visitar o Rio, ou nas minhas viagens pelo mundo afora, aumentava ainda mais o "molho", a cor da preferencia.


Se mudava a paixao para um indio, mulato, la ia eu dizendo e mudando a preferencia, achando que a paixao do momento poderia determinar o futuro perpetuo e eterno das minhas preferencias e escolhas amorosas...Ja tive a safra dos morenos, dos loiros (essa foi a que mais demorou), dos loiros de cabelos compridos(afee), dos morenos de cabelos compridos,etc,etc,etc....

Hoje com a maturidade chegada e a adolescencia passada ha tanto tempo, descobri que o que me cativava era a historia vivida com eles, e se boa, forte, me marcava e determinava a preferencia. Se o homem fosse carinhoso, sensivel, romantico e principalmente com vida interior, era isso que me marcava...


Uma vez, quando trabalhei em Hong Kong, fui louca por uma japones que me virou a cabeca , alias, me virava todas as cabecas, toda a vez que depois de voltar de la, eu via um passando pelas ruas do Rio. Achava que poderia reencontrar o encanto da pessoa dele em todo asiatico que esbarrava.Pensava poder recriar toda estoria gostosa vivida em Hong Kong com aqueles tais trauseuntes. Ele me contava estorias sobre vinhos preferidos, restaurantes, viajens exoticas....Meu Sherazade em versao japonesa, eu nao queria mata-lo de prazer, pois com um homem daquele nao se precisava fazer amor, transar....

Ele fazia amor com a minha cabeca...Meu "Eva Luna" particular ...

Penso entao em Pierre que transava com meu ser artistico, de Jean Baptiste que depois do amor me lia poemas franceses em plenas tardes de domingo. Dos amores Bleu-Blanc-rouge...


Hoje o meu amor, na realidade o unico que amei ate hoje e espero que Deus, o tempo e a data certa venha nos colocar de volta no mesmo caminho, nao tem cor para mim....Eu poderia dizer hoje que sou louca por homens negros de 2 metros de altura, que adoro armarios, homem para mim tem que ser negro, forte, sarado e alto....Mas nao e o caso, para mim ele nao tem cor...Calhou de ser negro, calhou de ser forte...mas o principal, calhou de ser ele, calhou de ser especial....Calhou dele ser tao forte mas ao mesmo tempo se deixar ser fragil para mim, de ser fisico e ter uma mente tao exata e de viajarmos nas profundezas do universo de Deus, um homem espiritualizado, doce, gentil e com um sorriso de menino sendo todo aquele homem...Com um arco-iris na alma de possibilidades...

E isso e que e importante para mim. E essa a cor que importa para mim agora....A da alma da pessoa...

Entao me digam, repetindo agora uma cantiga nao da adolescencia, mas de pular corda na infancia:

"Qual e a cor do teu namorado: branco, negro, loiro ou moreno....branco, negro...."

Uns beijos

 



 Escrito por Soraia de Oliveira às 00h40 [] [envie esta mensagem]




[ ver mensagens anteriores ]